Maluf passa mal na Papuda e é internado em hospital particular de Brasília

O deputado afastado Paulo Maluf (PP-SP) foi internado em um hospital particular na Asa Sul depois de passar mal no Complexo Penitenciário da Papuda, na madrugada desta quarta-feira (28). Aos 86 anos, o político cumpre pena no presídio brasiliense desde o dia 22 de dezembro, após ser condenado a 7 anos e nove meses de prisão por lavagem de dinheiro.

A defesa do deputado informou que ele “teve uma complicação séria no seu quadro de saúde”. Segundo o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, que defende Maluf, o parlamentar “terá que ficar sob observação por pelo menos três dias”.

Maluf foi condenado por dinheiro desviado verbas de obras públicas e remessas ilegais ao exterior, por meio da atuação de doleiros. O deputado é acusado ter participado de um esquema de cobrança de propinas na Prefeitura de São Paulo, em 1997 e 1998, que teria contado com o seu envolvimento nos anos seguintes.

Em março, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Jorge Mussi negou um pedido de prisão domiciliar do político. A defesa lega que a “avançadíssima” idade do deputado já seria elemento suficiente a integrar o preenchimento do requisito do periculum in mora (perigo na demora em dar uma decisão).

De acordo com a defesa, não se trata apenas da idade de Maluf, “mas, também, da existência de diagnósticos comprovados de câncer de próstata; hérnia de disco em estágio grave, com limitação severa de mobilidade; problemas cardíacos, todos em tratamento”.

Deixe uma resposta