Homem de 54 anos é a primeira vítima de H1N1 no DF

A Secretaria de Saúde do DF (SES-DF) encerrou nesta terça-feira (10) o protocolo de investigação de uma morte causada por Influenza A H1N1. O paciente, um homem de 54 anos, tinha sido diagnosticado com síndrome respiratória aguda grave e faleceu, no Hospital Regional de Ceilândia, no final do mês de março.

Para confirmar a causa, após o óbito, a Vigilância Epidemiológica das Gripes, vinculada à pasta, coletou uma amostra de sangue do homem e constatou a existência da gripe H1N1.

Momento de alerta

O primeiro caso da síndrome em 2018 no DF foi confirmado pela pasta na última segunda-feira (9), mas a vítima em questão, uma criança não identificada pela Secretaria, se curou. Um menino de Águas Lindas (GO), na Região Metropolitana do DF, também foi tratado na capital este ano, mas contraiu o vírus em sua cidade.

A campanha de vacinação começa no próximo dia 23 de abril, com mais de 770 mil doses previstas para atender aos brasilienses. Em 2017, não houve mortes pela doença em Brasília, mas em 2016 foram 17 óbitos, conforme dados da SES.

Aguarde Mais Informações

Deixe uma resposta