Brasília vai tremer! Festival Villa Mix agita o Mané Garrincha com sertanejo, eletrônico e forró

O que começou “apenas” como um evento de música sertaneja, hoje abraça também atrações de eletrônico e forró. Considerado um dos maiores festivais de música do País, o Villa Mix retorna à capital neste sábado (5), com 13 atrações, em palco montado no estacionamento do Estádio Nacional Mané Garrincha, a partir das 13h.

Representando o sertanejo, sobem ao palco Jorge & Mateus, os brasilienses da dupla Matheus & Kauan, Luan Santana, Simone & Simaria, Cleber & Cauan e Jefferson Moraes. Para animar os forrozeiros de plantão estão Wesley Safadão, Jonas Esticado e Xand Avião. O eletrônico também tem espaço, com a estrela goiana Alok e os duos Jetlag e Sevenn.

O festival nasceu em Goiânia, onde, há sete anos, aconteceu a primeira edição. A festa se espalhou pelo País. Em 2013, por exemplo, foram 20 cidades. Em 2015, 50, com direito a certificado do Guinness World Records para recorde de maior estrutura do palco da edição no Goiás, que contou com 70 metros de altura e 120 de largura.

Amanhã, Brasília recebe um “filho” desse palco gigante, estrutura para grandes nomes da atual música brasileira. O destaque fica para a dupla Jorge & Mateus. Juntos desde 2005, os goianos de Itumbiara se conheceram por meio de amigos. Em 13 anos de parceria, Jorge Alves Barcelos e Mateus Pedro Liduário de Oliveira acumulam muito sucesso, 296 canções e 12 discos, tendo lançado o último em fevereiro deste ano.

Com 14 faixas, Terra sem CEP alcançou o TOP 100 do Spotify Brasil, e conta com milhões de visualizações em vídeos no YouTube. Em entrevista ao Jornal de Brasília, a dupla conta que o bom resultado veio mais rápido que o esperado, mas não foi uma surpresa, já que tudo foi baseado no gosto dos fãs. “(O disco) tem uma pegada mais minimalista, como fazíamos no começo da carreira.

Deixe uma resposta